No post de hoje falamos sobre 7 ferramentas que lhe ajudarão na gestão do seu e-commerce fazendo com que sua empresa alcance um posicionamento de destaque no mercado e tenha uma boa vantagem competitiva.

Você está começando um negócio on-line ou até mesmo já tem seu negócio há algum tempo e já parou para pensar quais são as ferramentas ideais para seu negócio? De antemão vamos acabar com este mito de “ferramenta ideal”, pois não existe/existem ferramentas ideais para todo tipo de negócio, e sim aquela que funciona para seu ramo.

O que levar em consideração?

Porém, devemos ter em mente que existe sim aquelas ferramentas essenciais que irão lhe auxiliar a enxergar de uma forma mais ampla seu mercado independente de qual seja.

Tendo sempre em mente que a qualidade de uma gestão pode ser medida não só pela maneira como seu negócio está sendo conduzido, mas, fundamentalmente pelo controle das operações e processos.

Importância da gestão de e-commerce

Segundo o dicionário Aurélio gestão refere-se à ação e ao efeito de gerir ou de administrar. Ou seja, um negócio bem administrado irá se destacar de um mal administrado, e para alcançar o objetivo de um negócio bem-sucedido muitas etapas devem ser levadas em consideração.

São muitos recursos que um gestor irá encontrar neste meio campo, sendo eles recursos humanos e tecnológicos que precisaram ser utilizados com critério e orientados na execução das atividades diárias.

As 7 ferramentas para gestão do seu e-commerce

Já explanamos o porquê de ter uma boa gestão para seu negócio, agora iremos entrar no guia prático destas ferramentas que lhe auxiliarão a ter sucesso no seu e-commerce. Confira 7 ferramentas que lhe auxiliarão na gestão de e-commerce:

1 – Plataforma de E-commerce

A plataforma para sua loja virtual é uma das principais ferramentas para seu e-commerce, antes de decidir qual plataforma usar, você deverá analisar qual é seu foco, quais ferramentas você vai precisar, verificando se a plataforma é escalonável, verificar as ferramentas de SEO, integração com Market place, etc.

Na DW antes de você começar seu negócio faremos uma pesquisa para ver qual é a plataforma que se encaixa com sua empresa. Trabalhamos com algumas plataformas como a Loja Integrada, Woocommerce, Vtex, Nuvem Shop e Shopify.

2 – Google Analytics


A principal ferramentas para seu negócio online, seja ele uma pequena, média ou grande empresa, é o Google Analytics. Com ele você terá uma visão detalhada de tudo o que está acontecendo com seu e-commerce, desde quantas visitas ele recebe até a faixa etária destas visitas.

O Google Analytics têm o poder de identificar a taxa de exibição de uma página, localização geográfica, por onde o usuário de sua loja acesse o site (computador, celular ou tablet). São dezenas de relatórios que você poderá gerar através desta ferramenta.

3 – ERP

Um sistema de ERP bem estruturado como o Bling ajudará sua empresa a centralizar todas as informações de seus clientes em um só lugar, sendo estas informações localizada de uma forma segura e veloz.

Imagina que você tenha uma loja física e uma loja virtual e ambas trabalham com o mesmo estoque, só que ao vender um produto na sua loja física você esqueça de dar baixa e vende o mesmo produto na sua loja virtual, com certeza será um constrangimento não ter estas informações sincronizadas.

Com um ERP você consegue centralizar todas estas informações seja de clientes, produtos ou serviços e gerenciar tudo on-line.

4 – CRM

Você tem uma relação sadia com seu cliente? Sabe quando foi a última venda e se podemos oferecer novamente este produto ou agregar outro? Os dados do seu cliente estão atualizados?

Com um CRM você terá um controle melhor destes dados e não perderá mais informações de seus clientes.

Aqui na DW Marketing Digital usamos o Hubspot para centralizar todas as informações de clientes e de nossos leads.

5 – Gateway de pagamento

Quando falamos de Gateway de pagamento são inúmeros os encontrados no mercado, e recomendamos fortemente que você disponibilize diversos meios de pagamentos em sua loja virtual, os mais indicados são Cartão de Crédito e Débito, Boleto e Transferência Bancária. Desta forma, o cliente é quem decidirá a melhor forma de finalizar a compra.

Esta gama de pagamentos só é possível graças aos Gateway de pagamento que fará o gerenciamento do pagamento e a análise de segurança, os mais conhecidos e usados no Brasil são PayPal, PagSeguro, Mercado Pago, Pagar.me e Vindi (usado bastante para assinaturas).

6 – Automação de marketing

Já passamos pela plataforma, análise de dados, ERP, CRM e Gateway de pagamento. Porém o que muitas empresas se esquecem ou negligenciam é um dos componentes principais para as vendas. Ao utilizar a automação nas ações de marketing, você vai contar com ferramentas estratégicas para seu negócio.

Com a Automação de Marketing você conseguirá leads qualificados para seu e-commerce e realizará a nutrição deste, além da criação de Landing Page com materiais ricos, programar postagens para as redes sociais, criação de newsletter entre outros.

Além do ganho de novos leads, a automação de marketing lhe ajudará na redução de custos para a aquisição de clientes, recomendamos algumas ferramentas para esta automação:

  • RD Station: A RD é uma ferramenta completa para a automação do marketing da sua empresa, nela você encontra todo o processo para o envio de e-mail marketing, criação de landing page, gestão de clientes com o CRM deles, além da integração com outras ferramentas.
  • Mailchimp: O Mailchimp possui um dos sistemas de automação de marketing mais eficientes do mercado, além de ser uma empresa reconhecida mundialmente, com milhares de clientes ao redor do globo, esta empresa tem tido um crescimento exponencial além de melhoria de suas ferramentas que vão desde newsletter até a integração com sua loja virtual.
  • Mailerlite: O  MailerLite é uma poderosa ferramenta que lhe auxiliará na criação completa de sua automação de marketing, nesta ferramenta você poderá criar Landing Pages, Pequenos Websites, Pop-ups de captura, formulário de captura de e-mail e integrar diretamente tudo isto com seu site.

7 – Análise comportamental

E por último é saber como seu consumidor se comporta na internet e o que lhe atrai mais atenção. Algumas respostas que você deve sempre buscar são os populares “o quê”, “quando”, “como”, “onde” e “quem”, obtê-las através do uso de ferramentas específicas é fundamental para saber o perfil de seu cliente.

Muitos são os rastros que seu cliente deixa na internet visitando seus perfis em redes sociais e na sua loja, e para isto deve-se levar em consideração algumas ferramentas de Big Date e BI.

Conclusão

A escolha entre tantas ferramentas para seu e-commerce pode ser uma tarefa difícil, e requer saber o objetivo da sua empresa e os caminhos que ela deve percorrer dentro do comércio virtual. Recomendamos sempre antes de começar a vender on-line pensar primeiro no “porquê” de se vender on-line e em quem é seu cliente.

Você também poderá contar com nossa equipe para dar um norte e ajudar você a identificar seu cliente ideal e a vender mais e melhor.

Se você gostou do conteúdo e quer saber mais sobre o mercado on-line, que tal ver o porque do Brasil ter ganho mais de 135 mil lojas virtuais desde o início da pandemia